A música de abertura de Tudo Pode Dar Certo apresenta a chancela autoral de Woody Allen, uma sonoridade parecida com a composição interpretada por Fred Astaire e Ginger Rogers no clássico A Rosa Púrpura do Cairo. A ambientação da trama na cidade de Nova York também marca o retorno de Allen a um tipo de cinema que dialoga diretamente com o espectador, uma relação próxima que toma ares de brincadeira no decorrer da produção. A primeira surpresa aparece justamente com o olhar de Boris (Larry David) para a câmera , fato que configura uma quebra ficcional e tentativa de envolver o público com a narrativa.

Boris, o centro de toda a trama é um sujeito com idade avançada e língua afiada, um típico pessimista que maltrata todos a sua volta. Com uma personalidade tão negativa, o personagem tentará o suicidio, ação mal-sucedida que acarretará num problema na perna. Boris manca assim como Eugênia, personagem  do fúnebre Memórias Póstumas de Brás Cubas , obra de Machado de Assis. O caminhar irregular fica atrelado ao medo da morte, Boris se arrasta para o que já entende como o fim da vida. Porém há um elemento que mudará a rotina desse velho rabugento, algo que ele perdeu mas pode recuperar na figura de outra personagem – a juventude.

O encontro casual de Boris com Melodie (Evan Rachel Wood), uma garota que foge de casa para tentar a sorte na Big Apple, provocará situações cômicas, já que presenciaremos a relação da sabedoria com a ingenuidade. Melodie é uma personagem estereotipada, uma típica moça do interior com defasagem intelectual, contudo haverá uma osmose entre ela e Boris que resultará no casamento entre ambos. Tal união deixa evidente, apesar da diferença absurda de idade e demais empecilhos, que o casal apaixona e completa-se através da troca de experiências distintas.

O azar ronda Boris que aos poucos vai perdendo a esposa para um rapaz que a seduzirá pela apresentação jovial. Randy James (Henry Cavill) tentará convencer Melodie que o atual esposo não é o parceiro ideal para uma moça tão jovem e bonita. Boris que rejeitava qualquer relação sentimental com Melodie ficará magoado com a situação, circunstância que evidência o quanto Melodie provocou transformações em sua vida, antes restrita a encontros com os velhos amigos e aulas de xadrez para crianças.

O filme esquenta no final com as situações absurdas provocadas pela chegada dos pais de Melodie a cidade. Importante salientar que todos esses personagens passarão por profundas transformações pelo encontro com Boris e a cidade de Nova York. Quem se identificar com o humor negro produzido por Boris, ficará satisfeito com o novo filme de Allen que dificilmente erra a mão no desenvolvimento de um roteiro. Não é a melhor produção do diretor mas um suspiro que resgata outros grandes sucessos do cineasta, demonstrando que as coisas ainda podem dar certo.

Anúncios